Flexibilização do jejum para a avaliação do perfil lipídico

quarta-feira, 1 de agosto de 2018

Classicamente, sempre recomendou-se a análise do perfil lipídico com o paciente em jejum de 8 a 12 horas.   No entanto, estudos amplos (envolvendo mais de 300.000 pacientes) e multicêntricos ( em vários países) evidenciaram  aumento médio máximo de 26 mg/dL na concentração de triglicerídeos e  redução média máxima de 8 mg/dl para CT, LDL, não-HDL e VLDL. Variações estatisticamente significantes,  porém sem qualquer significado clínico.

Isto é válido para a grande maioria dos pacientes, salvo raras exceções como, por exemplo, aqueles pacientes com níveis muito elevados de triglicérides. Além disso, observou-se que o perfil lipídico ao acaso apresenta   maior correlação com risco cardiovascular do que o mensurado em jejum.

É importante salientar que a coleta no estado pós‐prandial também representa maior segurança em várias situações, como nos pacientes com diabetes mellitus que fazem uso de insulina, cujo risco de hipoglicemia pelo jejum aumenta significativamente o risco de acidentes de trânsito e quedas.

Associações médicas relevantes, como American College of Cardiology/American Heart Association (ACC/AHA), European Atherosclerosis Society (EAS) e European Federation of Clinical Chemistry and Laboratory Medicine (EFLM), vêm atualizando seus protocolos e publicando consensos e recomendações sobre o tema.

Em dezembro de 2016, a SBPC/ML (Sociedade Brasileira de Patologia Clínica / Medicina LaboratoriaL) elaborou ; em conjunto com a Sociedades Brasileiras de Cardiologia  (SBC), Análises Clínicas (SBAC), Diabetes (SBD) e Endocrinologia e Metabologia (SBEM); um consenso sobre a normatização das dosagem do perfil lipídico.

O que mudou?

  • O jejum não será mais obrigatório para o perfil lipídico a menos que solicitado no pedido médico.
  • O médico assistente deve orientar que o paciente faça dieta habitual, porém evitando alimentos ricos em gorduras .(frituras, “fast food”, feijoada, etc.)
  • Para dosagem de glicemia de jejum, permanece a recomendação de 8 horas de jejum.
  • Nas solicitação médicas sem definição de tempo de jejum e que não contenham outros exames que necessitem de jejum, o laboratório incluirá o tempo informado de jejum pelo paciente no laudo.
  • O Laboratório clínico poderá definir que o perfil lipídico seja coletado em jejum de 12h quando os outros exames laboratoriais, que estão sendo solicitados na mesma requisição, necessitam desse período de tempo de jejum.
  • No laudo de perfil lipídico, constarão os valores de referência e de alvo terapêutico de acordo com o risco cardiovascular estimado pelo médico assistente e com o estado do paciente (“jejum” e “não jejum”).
  • Pacientes com diabetes devem usar como referência a diretriz tríplice SBD, SBEM e SBC para Diabetes. Nesta diretriz, pacientes com diabetes e sem fatores de risco ou sem evidência de aterosclerose subclínica devem manter o LDL‐C abaixo de 100mg/dl. Pacientes com Fatores de Risco ou Doença Ateroscleróca subclínica devem manter LDL‐C abaixo de 70mg/dl. Pacientes com história de infarto agudo do miocárdio, AVC ou revascularização coronariana, carotídea ou periférica, ou história de amputação devem manter o LDL‐C abaixo de 50mg/dl.
  • Atentar para as situações em que o perfil lipídico deve ser realizado em jejum.

 

Referências

  • Mora S. Nonfasting for Routine Lipid Testing: From Evidence to Action. JAMA Intern Med 2016, 176:1005-1006.
  • Naugler, Christopher, and Davinder Sidhu. “Break the fast? Update on patient preparation for cholesterol testing.” Canadian Family Physician 60.10 (2014): 895-897.
  • Sidhu, Davinder, and Christopher Naugler. “Fasting time and lipid levels in a community-based population: a cross-sectional study.” Archives of internal medicine 172.22 (2012): 1707-1710.
  • Nordestgaard, Børge G., et al. “Fasting is not routinely required for determination of a lipid profile: clinical and laboratory implications including flagging at desirable concentration cut-points—a joint consensus statement from the European Atherosclerosis Society and European.
  • Xavier HT. Izar MC, Faria Neto JR, Assad MH, Rocha VZ, Sposito AC et al. V Diretriz Brasileira de Dislipidemias e Prevenção da Aterosclerose. Arq. Bras. Cardiol. 2013;101(4Supl.1): 1‐22.
  • Steiner MJ, Skinner AC and Perrin EM. Fasng might not be necessary before lipid screening: A Naonally Representave Cross‐seconal Study. Pediatrics. 2011; 218: 463‐70

Médico Patologista Clínico e Professor de Patologia Clínica da UFAL


A maior riqueza é a saúde

atendimento

Rua São Francisco, 470, Centro/Arapiraca-AL
CEP: 57300-080

Telefone: (82) 3521-2566 / 3522-1635
Celular/Whatsapp: (82) 99657-4919

horário

segunda - sexta
6:30 às 18:00
Sábado
07:00 às 12:00

seta indicando

Envie uma mensagem

Instagram